Exibidor

Publicidade

Notícias /mercado / Mercado

15 Janeiro 2021 | Fernanda Mendes

Telecine consolida selo de títulos inéditos para o streaming

Première Telecine lança seis novos filmes em janeiro

Compartilhe:

Cena de "O Marido Perdido" (Foto: Divulgação)

O Telecine, por meio de seu novo selo, o Premiére Telecine, lança a partir de hoje (15) seis títulos internacionais e inéditos em sua plataforma de streaming, o Telecine Play. O primeiro deles é o drama romântico O Marido Perdido, protagonizado por Leslie Bibb e Josh Duhamel. No dia 20, estreia o terror A Bruxa da Casa Ao Lado, do diretor Brett Pierce.

Publicidade fechar X

Já no dia 22 de janeiro, o Telecine lança com exclusividade o filme Isolado na Pandemia, e no dia 25 é a vez da dramédia Mapa do Sexo, primeiro longa do diretor Nico Raineau. O mês ainda conta com A Última Chance e Billy The Kid, longa que conta a história de um pistoleiro.

“Temos grandes projetos tanto nacionais quanto internacionais já fechados para o selo e, em breve, os nossos usuários poderão aproveitá-los em primeira mão sem sair de casa. Podemos garantir que criamos um selo que será muito bem abastecido em 2021 e nos próximos anos, reforçando o ineditismo que sempre esteve associado à marca do Telecine”, conta Sóvero Pereira, diretor de conteúdo e aquisições do Telecine, em entrevista exclusiva ao Portal Exibidor.

Com a consolidação do selo de filmes inéditos, que teve lançamento em setembro do ano passado e já exibiu estreias nacionais como Três Verões, De Perto Ela Não É Normal e Não Vamos Pagar Nada, o Telecine se firma como referência em todas as janelas. Pereira reforça que o objetivo com o Première Telecine é se adequar a tendência de consumo de conteúdo em novas plataformas.

“Nosso selo Première carrega em si este conceito de apoiador do setor audiovisual, ao passo que nasce a partir de uma exigência da própria indústria no período de pandemia e traz inovação e ineditismo para os nossos usuários, possibilitando, ainda, que grandes conteúdos não fiquem presos e obsoletos”, comenta.

O executivo também não descarta a importância da janela cinema para os títulos e reforça que o Telecine segue sendo o já tradicional apoiador da indústria audiovisual brasileira em todas as suas frentes. “Para nós, quanto mais relevantes os filmes forem nos cinemas, mais interesse irão despertar nos nossos usuários. Entendemos que a coexistência das diversas janelas de exploração de conteúdo audiovisual, além de saudável para o setor, é importante também para os usuários, que se beneficiam de formas diferentes de entretenimento através do mesmo conteúdo. Todas as estratégias de Première serão traçadas com aquiescência dos distribuidores, exibidores, produtores e demais áreas da indústria, dando foco ao conteúdo, priorizando nossos usuários e impulsionando a indústria como um todo”.

Compartilhe:

  • 0 medalha