Exibidor

Publicidade

Notícias /mercado / Cobertura Show de Inverno

07 Junho 2024 | Gabryella Garcia e Renata Vomero

Primeiro dia do Show de Inverno traz números da indústria, cinema nacional e a tela grande como protagonistas

Evento teve início nesta quarta-feira (5) e contou com sete apresentações

Compartilhe:

(Foto: Portal Exibidor)

Foi dada a largada para a 15ª edição do Show de Inverno nesta quarta-feira (5) e este primeiro dia foi marcado pela tradicional apresentação dos números da indústria, para entendermos o panorama atual do mercado. 

Publicidade fechar X

Os indicativos, inclusive, mostraram a importância do cinema nacional neste ano, que também ficou evidente nas apresentações dos players nacionais, focados em sustentar bons públicos para os brasileiros durante o ano e elevar o market share nacional. 

Claro que as majors não ficaram de lado e trouxeram line-ups variados, que vão de franquias até originais para satisfazer o apetite dos mais diversificados públicos e garantir ainda melhores números para o ano que vem. 

Se apresentaram neste primeiro dia: Filme B (números da indústria), Paramount, Elo Studios, Globo Filmes, H2O Films, Diamond, Imagem Filmes e Sony. 

O segundo dia contou ainda com: Universal, O2 Play, Vitrine e Manequim Filmes, Sato Company, Warner, Imovision, Galeria Distribuidora, Clube Filmes e Disney

Confira as apresentações do primeiro dia do evento:

Abertura - Show de Inverno destaca crescimento do cinema nacional em 2024 em sua abertura

O 15º Show de Inverno teve início nesta quarta (5) em Campos do Jordão e, durante sua apresentação de abertura, realizada pelo Filme B, apontou o cinema nacional como grande destaque em 2024 até o momento. Apesar de uma queda de 19% do público geral nas salas de cinema, filmes nacionais levaram 7,6 milhões de pessoas para a frente das telonas até 30 de maio e isso representa um aumento de mais de 1000% em relação ao mesmo período do ano passado. Filmes estrangeiros, por outro lado, tiveram uma queda de 33% no público.

Apresentando o Panorama do Mercado, Rodrigo Saturnino Braga, sócio e diretor do Filme B, ressaltou que o número de salas e de cinemas se manteve estável no Brasil neste ano. Entretanto, até o dia 30 de maio, foi registrado um aumento no número de salas VIP. No período, o público geral foi de 39,4 milhões de espectadores, o que significa uma queda de 19% na comparação com 2023. A divisão do público foi de 7,6 milhões de espectadores para filmes brasileiros e 31,8 milhões para filmes estrangeiros, o que significa, como dito anteriormente, uma queda de 33% em relação ao último ano. Diante dos números apresentados, fica evidente que o cinema nacional foi o responsável por evitar uma queda ainda maior no público geral.

Prova da força dos filmes brasileiros no corrente ano é evidenciada por números. Enquanto o maior público de um filme brasileiro até o final do mês de maio era Desapega! (Imagem Filmes) com 153 mil ingressos vendidos em 2023, Minha Irmã e Eu (Downtown/Paris) já vendeu aproximadamente 2 milhões de ingressos neste ano. Além disso, Os Farofeiros 2 (Downtown/Paris) e Nosso Lar 2 - Os Mensageiros (Disney) venderam respectivamente 1,87 milhão e 1,61 milhão de ingressos. Saturnino, inclusive, ressaltou o fato de que o primeiro semestre do cinema nacional foi muito forte, com ao menos um filme por mês conseguindo um público superior a um milhão. Em relação a renda, o diretor do Filme B apontou que os valores dos ingressos se mantiveram parecidos.

No total foram lançados 207 filmes neste ano e as maiores rendas foram diluídas, com valores parecidos, entre vários filmes. Enquanto nos 10 filmes de maior bilheteria até o final de maio de 2023, cinco conseguiram uma renda acima de R$ 4 milhões, em 2024 a média do top 10 inteiro varia entre R$ 2,5 milhões e R$ 1,5 milhão, sem grande variação ou concentração em algum filme específico.

Para finalizar o Panorama do Mercado, Saturnino destacou que o mês de maio apresentou uma queda de 45% no público geral nos cinemas brasileiros, fechando o mês com 6,8 milhões de espectadores.

Paramount aposta em line-up "com a cara do Brasil" no Show de Inverno

A Paramount abriu os trabalhos e foi a primeira de mais de dez distribuidoras que se apresentaram na 15ª edição do Show de Inverno. Primeira grande major a subir no palco, a Paramount deu bastante destaque para coproduções brasileiras que serão lançadas nos próximos meses.

"Estamos investindo pesado para ter filmes com a cara do Brasil e levar o público para os cinemas e fazer o mercado girar dentro do seu grande potencial", destacou César Silva, diretor geral e vice-presidente da Paramount. Até o início do próximo ano serão lançados seis longas nacionais e os dois grandes destaques são Doutor Monstro, um filme true crime dirigido por Marcos Jorge, e Quase Deserto, um filme de suspense que é falado em espanhol, português e inglês, dirigido por José Eduardo Belmonte.

A apresentação dos filmes internacionais foi feita por Tiago Madruga, gerente de vendas da Paramount, e Luciana Falcão, diretora de marketing. Além da dupla, a jornalista e crítica de cinema Isabela Boskov falou sobre a história da Paramount em seus 112 anos de existência, e comentou sobre todos os filmes internacionais, que tiveram seus trailers exibidos para o público presente.

No dia 27 de junho chega aos cinemas Um Lugar Silencioso - Dia Um, um filme cercado de expectativas após o seu antecessor vender 2 milhões de ingressos no Brasil. O novo filme conta com Lupita Nyong'o e Joseph Quinn no elenco, e a campanha para o filme conta com grandes influenciadores, parcerias de mídia, um outdoor no show da cantora Madonna, no Rio de Janeiro, e mobiliário urbano. Em 26 de setembro é a vez de Transformers: O Início, uma animação que conta o começo da história de Optimus Prime e Megatron. Vale destacar que a franquia já levou mais de 17 milhões de pessoas aos cinemas e, portanto, as expectativas para um grande sucesso são altas. Sorria 2 é um terror que estreia em 17 de outubro e a Paramount espera repetir o sucesso do primeiro filme, que conseguiu um público de mais de um milhão.

Na sequência, chega aos cinemas a maior aposta da distribuidora: Gladiador 2. Com um elenco estrelado que conta com Paul Pascal, Pedro Pascal e Denzel Washington, além de Ridley Scott na direção, o filme estreia em 14 de novembro e se apega no sucesso do primeiro filme, exibido há 24 anos, para se tornar um novo fenômeno de bilheteria. Sem correção pela inflação, o primeiro filme faturou US$ 503 milhões em todo o mundo, ganhou cinco Oscars e levou 2,5 milhões de pessoas aos cinemas brasileiros. Por fim, Sonic 3 chega aos cinemas no dia 2 de janeiro, com novos personagens, além dos já conhecidos, e tenta repetir o sucesso dos dois primeiros filmes que conseguiram um público de 6 milhões no Brasil.

Elo Studios apresenta line-up e aposta em parceria com exibidores para atrair público

Entre as distribuidoras independentes que se apresentaram durante o Show de Inverno, estava a Elo Studios, que mostrou algumas de suas apostas para os cinemas e também fez um pedido de parceria aos exibidores para conseguir cativar o público e levá-los aos às salas escuras.

"Estamos focados em filmes que levam o público para o cinema. Temos aqui grandes majors apresentando, mas nós, como uma empresa pequena, temos a vantagem de estar perto dos exibidores e convidamos vocês exibidores para pensarmos o cinema com um formato diferente, inovador, e com ideias e estratégias para trazer o público para o cinema", afirmou Sabrina Wagon, CEO da Elo Studios.

A distribuidora apresentou seu line-up para o segundo semestre deste ano e também para 2025, apostando em filmes que tenham talentos que participem ativamente de suas campanhas. Além disso, também estão sendo fechadas parcerias com majors e grandes produtoras para pensar estrategicamente e com mais assertividade na distribuição.

Ainda neste ano chegam aos cinemas Saideira, em 8 de agosto, em uma produção protagonizada por Thati Lopes e Luciana Paes que mistura comédia e drama ao retratar a história de duas irmãs que saem em busca de um tesouro deixado como herança pela família, uma valiosa e cara cachaça. No dia 28 de agosto é a vez de Avenida Beira-Mar, um drama de amadurecimento LGBTQIAP+ produzido em parceria com o Telecine. Em 5 de setembro é a estreia de Madame Durocher, um filme que narra a história real da primeira mulher a fazer parte da Academia Imperial de Medicina, no século 19, como parteira. Além disso, duas grandes apostas da distribuidora são Viva a Vida, uma comédia romântica que chega aos cinemas em novembro, ainda sem data definida, protagonizada por Thati Lopes e Rodrigo Simas, e Caindo na Real, que estreia em 24 de outubro e é protagonizado pelo cantor Belo e Evelyn Castro, em uma comédia que mostra um Brasil em que a monarquia está de volta.

Por fim, sem maiores detalhes, a Elo Studios anunciou Motel Pérola, Narciso Rap, #Salverosa, Descontrole e Por que só as princesas se dão bem? para o ano de 2025.

Globo Filmes faz apresentação inédita no Show de Inverno reforçando compromisso com o cinema nacional e a tela grande

Em comemoração aos seus 25 anos, a Globo Filmes fez apresentação inédita neste Show de Inverno. Encabeçada por Simone Oliveira, head da empresa, o encontro foi marcado pela exaltação do cinema nacional e sua diversidade. 

“Queremos estar cada vez mais próximos dos exibidores, é importante esta troca e contato”, destacou a executiva. 

Para além disso, Simone também ressaltou o sucesso de suas produções no ano passado e mais ainda no primeiro trimestre deste ano, tendo Minha Irmã e Eu (Downtown/Paris) como a maior bilheteria nacional até o momento, com mais de 2 milhões de ingressos vendidos. 

Um dos principais pilares e trunfos que a produtora tem para exaltar seus filmes é o uso do ecossistema da Globo como um ótimo espaço para divulgação e marketing, fazendo um crossover entre programas da grade da TV aberta e fechada, além de fazer uso de outros espaços de mídia. 

“Um exemplo é a própria campanha de Minha Irmã e Eu, que na Globo contou com mais de 320 milhões de impactos”, comentou. 

Para o futuro, Simone ressaltou os lançamentos populares, mas também os filmes de prestígio, que estão rodando os festivais neste ano com boa repercussão internacional. Impossível aqui não destacar Motel Destino (Pandora), de Karim Ainouz, que acabou de passar pela competição do Festival de Cannes. 

Entre os próximos lançamentos que merecem uma boa atenção, a executiva ainda destacou Grande Sertão, de Guel Arraes (6 de junho), e Tô de Graça - O Filme, que estreia em 24 de junho e é uma adaptação do programa de sucesso do Multishow protagonizado por Rodrigo Sant’anna. 

H2O Films anima exibidores com line-up e ressalta força de “O Auto da Compadecida 2”

A H2O Films animou e muito os exibidores com aquele que promete ser um dos principais lançamentos nacionais do ano: O Auto da Compadecida 2.

“Temos muito orgulho e felicidade em estar trabalhando neste filme e poder trazê-lo para o público e os exibidores”, comentou Sandro Rodrigues, CEO da H2O Films. 

O astro Selton Mello foi convidado a apresentar este bloco da apresentação, dedicado à sequência do sucesso de 2000 que estreia em 25 de dezembro.

“Este é o filme mais esperado do ano. Nunca vivi isso, mas meses antes, as pessoas me param na rua para falar o quanto estão ansiosas pelo lançamento. Eu e o Matheus [Nachtergaele] estamos muito empenhados nesse trabalho. É algo muito forte. Este filme é um presente que vamos dar para o Brasil e pode ser um pé na porta para o cinema nacional”, ressaltou o ator. 

O longa está passando por forte campanha desde o ano passado, tem um ponto alto na última CCXP e as parcerias com importantes marcas como TikTok, Brahma e Santa Helena. Inclusive, o teaser do filme foi o 3º vídeo mais visto do YouTube em três horas de seu lançamento. 

A H2O também apresentou outros filmes que merecem destaque para os exibidores neste ano. Em setembro chega Meus Quatro Maridos, uma comédia romântica. Para o público infanto-juvenil haverá Maloucos - Contra o Ladrão de Sonhos, adaptação de um canal de sucesso do YouTube. 

Sala Escura, que chega em breve aos cinemas, é um terror do tipo slasher que retrata um grupo de amigos presos em um cinema com um misterioso assassino à espreita. 

Para os fãs de comédia, chegará Uma Mulher Sem Filtro, protagonizado por Fabiula Nascimento e baseado em texto da Tati Bernardi. E um sucesso garantido de público, estreará em 11 de julho nos cinemas, o próximo filme de Luccas Neto, chamado Luccas e Gi em: Dinossauros, contando uma nova aventura jurássica para as crianças. 

“Temos um forte line-up para esse ano que promete movimentar os cinemas. Também quero agradecer minha equipe pela velocidade e comprometimento nas entregas”, finalizou Sandro. 

Diamond Films apresenta line-up recheado e comemora resultados de 2024

A Diamond Films chegou a 15ª edição do Show de Inverno trazendo uma série de novidades para o público: foram apresentados 18 novos lançamentos da distribuidora. Mas, antes de falar sobre as novidades, Vinícius Pagin, diretor-geral da empresa, destacou o sucesso de Imaculada, que fez sua estreia em 30 de maio e se tornou a maior abertura de terror do ano ao levar 175 mil pessoas aos cinemas, com a ajuda do feriado de Corpus Christi, e também de Guerra Civil, que foi o filme direcionado para o público 18+ com maior bilheteria no Brasil. O segundo filme com essa classificação, vale destacar, foi justamente Imaculada.

"São dois filmes que nos deixaram muito felizes e estamos muito felizes de fortalecer a nossa parceria com vocês exibidores e verem vocês ganhando mais confiança na gente e que isso continue com mais filmes de sucesso e mais pessoas nos cinemas", comemorou Pagin.

O primeiro filme apresentado foi Conclave, que deve chegar aos cinemas no mês de novembro. A produção é baseada em um livro homônimo e fala sobre algo bastante misterioso, que é o processo de escolha de um novo Papa. Já nos próximos dias, em 12 de junho, Assassino Por Acaso faz sua estreia contando com um dos atores do momento em seu elenco: Glen Powell. O filme passou por Veneza com uma boa recepção da crítica e, na campanha do filme, está presente um dos casais mais queridos do Brasil: Paolla Oliveira e Diogo Nogueira.

Os amantes de filmes de terror também serão agraciados com lançamentos da Diamond e, uma das grandes apostas da distribuidora é Entrevista Com o Demônio, considerado um dos filmes de terror mais aguardado do ano. Chegando aos cinemas no início de julho, Entrevista Com o Demônio obteve grande destaque em festivais e é baseado em uma história real encontrada em um programa de televisão dos anos 1970, quando uma mulher incorporada pelo demônio foi entrevistada. Sting - Aranha Assassina, é uma mistura de terror, nostalgia e monstros gigantes, mas ainda sem data de estreia definida, e Heretic, que ainda não tem título em português, é um filme da A24 que explora o terror psicológico e deve chegar ao Brasil no final do ano. Para fechar as apostas do gênero também foi apresentado Vínculo Mortal, um terror com serial killer em que a Diamond não revelou muitos detalhes, mas prometeu uma campanha "misteriosa e sensorial" para esse terror psicológico que é uma grande aposta da distribuidora.

Além de Heretic, a Diamond prepara outras duas produções da A24 para os próximo meses: a primeira é Sing Sing, ainda sem data de estreia definida, que é um drama baseado em uma história real sobre um programa de reabilitação de detentos que usa a música e o teatro musical como forma de reabilitar as pessoas e, inclusive, parte do elenco é formado por ex-detentos que fizeram parte do programa. O segundo filme é Smashing Machine, que traz Emily Blunt e The Rock no elenco. O ator, inclusive, atuará em seu primeiro papel dramático na carreira.

Outras apostas da Diamond são Baby Girl, um thriller erótico com Nicle Kidman e Antônio Banderas que estreia no começo de 2025, Locked, uma adaptação do filme argentino 4x4 que conta com Anthony Hopkins no elenco e ainda não tem data de estreia, Meu Filho, Nosso Mundo, que chega aos cinemas no segundo semestre deste ano e é um drama familiar que conta a história do pai de um garoto que está no espectro autista e luta por melhores condições para o filho, I Play Rocky, que mostra a história de Silvester Stallone para fazer o filme Rocky, quando o ator ainda morava nas ruas, Terrifier 3, que será lançado no Halloween e é mais um filme da franquia que traz um palhaço assassino como protagonista, Pacto de Redenção, que é o primeiro filme dirigido por Michael Keaton, e Zona Cinzenta, o novo filme de Guy Ritchie em uma trama com muita ação e correria e elenco de grandes nomes como Henry Cavill e Jake Gyllenhaal.

Por fim, a Diamond também destacou projetos adquiridos em Cannes, como The Surfer, um filme protagonizado por Nicolas Cage e um dos seus grandes papéis dos últimos anos, e The Apprentice, trama que conta a história do jovem Donald Trump com Sebastian Stan no papel principal e está envolvida em muitas polêmicas uma vez que os advogados do ex-presidente querem tirar o filme de circulação. Apesar de ainda não ter distribuição definida nos Estados Unidos, Pajin afirmou que The Apprentice deve chegar o mais rápido possível ao Brasil.

Imagem Filmes apresenta 12 produções para os próximos 12 meses e aposta no terror

A distribuidora brasileira Imagem Filmes fez bonito em sua apresentação no Show de Inverno e mostrou aos espectadores um forte line-up de cinema nacional e internacional. Os destaques para os próximos seis meses foram mostrados por Gustavo Romboli, diretor de vendas da Imagem.

Serão 12 produções para estrear até o final do ano, diversificando entre nacionais e internacionais de diferentes gêneros e públicos. O destaque inicial foi para filmes de terror, com A Semente do Mal chegando aos cinemas em 13 de junho, Hora do Massacre, um terror slash estreando em 18 de julho, e O Exorcismo, estrelado por Russell Crowe, que é uma sequência do universo Exorcismo do Papa, que desempenhou muito bem no último ano. O filme chega às telonas em 1º de agosto.

Os demais lançamentos, em ordem cronológica, serão O Corvo no mês de julho, uma releitura do sucessos dos quadrinhos e do filme produzido em 1994, Pets em Ação, uma animação infantil chega em agosto, e Silvio, que utiliza a história do sequestro da filha de Silvio Santos e a invasão à casa do apresentador como fio condutor para mostrar a trajetória de um dos maiores nomes da história da televisão brasileira. Essa produção que estreia em setembro tem a Paramount como coprodutora e co-distribuidora e é uma das grandes apostas da Imagem Filmes, com uma campanha de marketing que aposta na emoção e na produção em fatos reais como dois principais pilares.

Dando sequência aos lançamentos, no final de setembro é a vez de Hellboy e a história do criador dos quadrinhos do personagem, uma aquisição feita em Cannes, em outubro quem chega às telonas é Perfecta - Uma Aventura da Escola de Gênios, que é a adaptação para filme de uma série bem-sucedida da televisão brasileira, e a animação A Menina e o Dragão no Dia das Crianças. Por fim, We Live in Time é um romance dramático distribuído pela A24 nos Estados Unidos que chega ao Brasil em outubro e conta com Andrew Garfield e Florence Pugh no elenco, As Polacas é uma produção nacional que estreia em outubro, e A Arca de Noé, que é uma das maiores apostas da distribuidora. O filme chega aos cinemas em 7 de novembro e é tratado como a maior animação brasileira da história, com uma trama baseada nos poemas do álbum homônimo de Vinícius de Moraes. A obra é uma coprodução entre Brasil, Índia e Estados Unidos, tem a Gullane como coprodutora, já foi vendido para mais de 70 países e traz nomes como Mônica Iozzi, Rodrigo Santoro, Lázaro Ramos, Marcelo Adnet e Alice Braga no elenco de dubladores.

Sony celebra 100 anos da Columbia e aposta em futuro de sucesso com grandes franquias e filmes originais

A Sony encerrou o primeiro dia de apresentação das distribuidoras no Show de Inverno e aproveitou para comemorar os 100 anos do estúdio Columbia. André Sala, vice-presidente de distribuição da Sony Pictures na América Latina e diretor-geral no Brasil, abriu os trabalhos e destacou um olhar para o futuro da Sony, com diversos lançamentos de impacto. Ele, inclusive, fez questão de ressaltar novos filmes dos Beatles, uma das maiores bandas de todos os tempos, que estão sendo dirigidos por Sam Mendes. No total serão quatro filmes contados pelas perspectivas de cada um dos integrantes da banda. Sala também destacou lançamentos como Karate Kid, Homem-Aranha, Baby Driver 2 e Materialists.

"A gente veio aqui para celebrar o futuro e estamos reforçando um line-up que é caracterizado pela diversidade de temas, equilibrando franquias conhecidas e filmes originais", disse o executivo.

Na sequência a diretora de vendas Danielle Bonatto falou sobre o selo Crunchyroll e destacou que a Sony está empenhada em trabalhar para desenvolver o apetite pelo gênero anime no Brasil, citando que apesar do grande interesse do público, levar essas pessoas para o cinema ainda é um desafio. Ainda sem data confirmada, os dois próximos lançamentos do selo serão Haikyu e Overlord.

Após as primeiras introduções, Camila Pacheco, diretora-executiva de marketing da Sony, apresentou uma série de apostas da distribuidora para os próximos meses. "A Sony está em festa e vamos mostrar aqui todos os motivos para comemorar", disse. O primeiro filme apresentado foi Bad Boys: Até O Fim, que chegou aos cinemas em 6 de junho e contou com uma grande campanha de marketing. Durante a divulgação, os atores Will Smith e Martin Lawrence fizeram trabalhos com influenciadores, imprensa e até mesmo uma ação com o time brasileiro do Flamengo.

Na próxima semana, em 13 de junho, estreia Uma Vida de Esperança, um filme baseado em uma história real que fala sobre fé e tem Hillary Swank no elenco. No dia 25 de julho é a vez de Pequenas Cartas Obscenas, filme que também é baseado em uma história real e fala sobre uma cidade repleta de moradores conservadores que começam a receber cartas obscenas. A partir daí, começa uma grande investigação para descobrir quem mandava as cartas.

A Sony também apresentou dois filmes originais da Apple que terão sua distribuição nos cinemas. O primeiro é Como Vender a Lua, uma produção que estreia em 31 de julho e conta com Scarlett Johansson e Channing Tatum no elenco, em uma comédia que brinca com a ideia de produzir um vídeo fake sobre a chegada à Lua para não decepcionar as pessoas caso a missão realizada em 1969 não desse certo. O outro original Apple é Lobos, um thriller que chega aos cinemas em 19 de setembro com Brad Pitt e George Clooney e conta com bastante ação.

No dia 1º de agosto Harold e o Lápis Mágico, uma história infantil muito conhecida nos Estados Unidos chega aos cinemas brasileiros em um filme para toda a família que mistura animação e live action. A direção, inclusive, é do brasileiro Carlos Saldanha que marcou presença na apresentação. "Estou muito feliz de estar de novo com velhos amigos. Fizemos muitas coisas juntos e sempre trato o Brasil como a cereja do bolo nos meus projetos", disse. Ainda sobre novos projetos, a Sony destacou É Assim Que Acaba, uma produção baseada no livro homônimo de Colleen Hoover e que foi um dos livros mais vendidos de 2022, além do destaque da Marvel, Venom 3: A Última Rodada, que chega aos cinemas em 24 de outubro.

Por fim, também foram destacadas duas produções nacionais: Vitória, um filme original Globoplay que estreia em dezembro e tem Fernanda Montenegro no elenco, e Perfeitos Desconhecidos, uma espécie de remake de um filme que já foi feito em diversos outros países e é uma comédia dramática com Danton Mello e Sheron Menezes no elenco, ainda sem data para estrear.

Compartilhe:

  • 0 medalha