Exibidor

Publicidade

Notícias / Produções / Conhecimento

01 Setembro 2020 | Redação

Piero Sbragia lança livro sobre as novas fronteiras do documentário contemporâneo

Compartilhe:

“Um país que carece de documentário é como uma família que carece de um álbum de fotografias”. Assim Piero Sbragia, jornalista, documentarista, professor e fundador da produtora Segundas Estórias Filmes, começa o livro "Novas Fronteiras do Documentário:  Entre a Factualidade e a Ficcionalidade", lançado durante a pandemia de covid-19, que está à venda neste link. A frase, logo no princípio da obra, é atribuída ao renomado documentarista chileno Patricio Guzmán. É a essa tarefa de resgatar a memória que o lançamento se dedica. "Gosto de pensar o documentário como manifesto de resistência”, afirma Sbragia em suas páginas.

Especializado em Cinema Documentário e mestre em Educação, Arte e História da Cultura, o autor concebeu a ideia diante da escassez de livros sobre documentário. Mais raros ainda são os registros com depoimentos de cineastas da área. O novo trabalho discute a tendência contemporânea de romper a divisão rígida entre factual e ficcional. O livro traça um panorama da produção, ao longo do século XXI, através de uma análise sobre a forma como os gêneros cinematográficos apresentam uma convergência. Também reúne entrevistas inéditas e exclusivas, realizadas entre janeiro e março de 2020, com 10 documentaristas brasileiros de relevância mundial da Bahia, São Paulo, Brasília, Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul.

Compartilhe:

  • 0 medalha
  • 0 comentário

Gostou? Comente...